# HIIT- Um dos treinos mais eficientes para queimar gordura

Perder gordura num treino mais curto, é esta a principal promessa do HIIT. O HIIT, como o próprio nome indica,
high intensive interval training (treino intervalado de alta intensidade) é o treino da moda. É um tipo de treino onde os estímulos são curtos e intensos, alternados com intervalos de recuperação com o dobro do tempo, triplo ou mais vezes o tempo de estímulo. O tempo de intervalo pode ser em repouso ou em actividade muito baixa a nível intensidade.

123

O treino HIIT assenta no conceito atual e cientificamente comprovado de queima de gordura, que consiste na intensidade elevada do treino, o foco consiste numa sessão curta com exercícios feitos em alta intensidade possível. O HIIT pode ser feito em qualquer lugar com qualquer treino aeróbico, pode ser corrida, bicicleta ou saltar á corda com alta intensidade seguida de caminhada, ou simplesmente corrida mais lenta ou rolando na bicicleta.
Vamos ao seu funcionamento
De uma forma geral o treino HIIT segue uma linha uniforme, mas ao mesmo tempo é bastante dinâmico, pela simples razão que podemos variar os exercícios. Algumas pessoas intercalam o treino HIIT 1 a 2 minutos de treino leve com 30 a 60 segundos de treino de alta intensidade. Outros preferem treinar em alta intensidade durante um minuto e descansar 30 segundos. Cada um de nós deve escolher o melhor para nós, algo em que a gente se sinta confortável, desde que não descansemos por muito tempo e que os picos de alta intensidade sejam mesmo de alta intensidade. As diretrizes podem ser as seguintes:
– Começar com um treino de 1:4, ou seja, trabalha em alta intensidade 30 segundos e descansa ou em baixa intensidade 2 minutos, durante 15 minutos.
– Numa segunda fase, podemos aumentar o tempo de treino para 17 minutos, e trabalhar numa linha de 1:2, ou seja, 30 segundos a alta intensidade e 1 minuto em baixa intensidade.
-Numa terceira fase, diminuímos a taxa de descanso, chegando a uma razão de 1:1, 30 segundos a alta intensidade e 30 segundos em baixa intensidade, num total de treino 18,5 minutos.
– Na última fase, em que já somos prós, a taxa de descanso é reduzida novamente, numa razão de 2:1, ou seja, 1 minuto de alta intensidade e 30 segundos de baixa intensidade, num total de 20 minutos.
Os tempos apresentados em cada fase são sugestões e podem ser diferentes de pessoa para pessoa, mas o melhor é este treino ser prescrito por um bom profissional de educação física. O tempo ideal de cada fase deve ser de duas semanas pelo menos, para o nosso organismo se habituar e ir ganhando resistência.
Quem quiser praticar este tipo de treino depois do treino de musculação, deve ter em atenção que o mais certo é perder um pouco do ganho de força, o ideal é ser em momentos separados, por exemplo, um de manhã outo ao fim do dia.
Benefícios do HIIT:
– O HIIT pode ser praticado por qualquer pessoa, em qualquer idade e aptidão física, pois como vimos a ideia é ir melhorando gradualmente. No inicio os treinos tem uma duração mais curta, com o passar do tempo a resistência aumenta e o nível de treino também.
– É um treino bem simples, em que podemos praticar em qualquer lugar, sem necessidade de recorrer a material específico, podendo mesmo ser praticado quando estamos de férias ou de fim-de-semana fora.
– Uma vantagem é o tempo gasto a treinar. Podemos alcançar bons resultados com treinos curtos, de 15 a 20 minutos.
– E o mais importante é a enorme capacidade de queima de gordura.

Conceito FIT

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s